domingo, 30 de outubro de 2016

O CÁLICE DA VIDA

                                                       


A vida, por mais amarga que seja, 
merece ser saboreada a cada momento,
os percalços e problemas do dia-a-dia são como alucinógenos
que nos mantém alheios a verdadeira razão de estarmos aqui,
Não viemos no mundo para ter uma mansão ou um carro do ano,
não viemos no mundo para vestir a roupa mais cara, 
comer a carne mais nobre, 
nem juntar a maior quantidade de dinheiro no banco,
não viemos no mundo para sermos populares 
ou conquistar a pessoa amada,
se assim fosse, que grande bobagem seria essa vida, 
construída em cima de coisas, que lá no fim das contas, 
não fazem a nossa felicidade.
Como poderíamos ser felizes sem amor, 
ou sem saúde, ou sem paz de espirito?
como poderíamos ser felizes magoados, 
desprezados ou solitários?
Como poderíamos ser felizes submissos, 
acovardados, indignados?
como poderíamos ser felizes com violência, 
com intolerância ou desrespeito?
como poderíamos ser felizes com saudade?
A vida merece ser saboreada a cada momento, por isso,
se não estamos sentindo o gosto de nada, 
é porque alguma coisa está errada,
e nos desviamos do objetivo de ser feliz 
por miragens que ofuscam a visão de nós mesmos. 
procuremos então o remédio 
para consertar esse paladar deturpado
enquanto ainda nos resta algum tempo 
para que o tempo que nos resta, seja saboreado.